sexta-feira, 19 de setembro de 2014

Renata Campos deve pedir voto para Paulo Câmara na TV

Foto: JC Imagem
Há um mês, Renata Campos pediu engajamento do PSB na campanha de Paulo Câmara. Foto: JC Imagem
A ex-primeira-dama de Pernambuco Renata Campos deve gravar uma participação para o guia eleitoral do ex-secretário da Fazenda Paulo Câmara (PSB), escolhido candidato ao Governo de Pernambuco pelo ex-governador Eduardo Campos, que faleceu em um acidente aéreo em plena campanha presidencial.
Fontes do PSB confirmaram na manhã desta sexta-feira (19) que o assunto está sendo tratado e que há a possibilidade que Renata grave já neste final de semana. A mensagem deve ter apenas Renata, e não deve seguir o modelo de conversas face a face com Câmara que o PSB tem levado ao guia desde o início da eleição.
O desejo de gravar uma mensagem partiu da própria Renata. O vídeo deve ser veiculado agora na reta final da campanha. “Ela está comprometida desde sempre e estava esperando o momento adequado de fazer isto”, diz um interlocutor socialista.
Renata era casada com Eduardo Campos desde 1991 e o casal possui cinco filhos: Maria Eduarda, João, Pedro, José e Miguel, o caçula, nascido em janeiro deste ano.
Namorados desde a adolescência, a ex-primeira-dama era uma importante conselheira do ex-governador durante toda a vida e chegou a ser consultada pelo PSB para disputar a vice-presidência após a morte do marido.(Do Blog de Jamildo)

Confira a agenda dos candidatos à Presidência da República



Mauro Iasi (PCB)
Goiânia
14h – Entrevista ao jornal Brasil de Fato
15h – Sabatina no Fórum Estadual da Reforma Agrária, sede da Comissão Pastoral da Terra
17h – Sabatina no Centro Acadêmico (CA) de Direito da Universidade Federal de Goiás
19h – Debate Conjuntura Nacional e Poder Popular no CA de Serviço Social da Pontifícia Universidade Católica (PUC) de Goiás

Pastor Everaldo (PSC)
Rio de Janeiro
9h30 – Entrevista ao jornal Extra (por telefone)
Tarde – Reunião de coordenação de campanha
20h – Entrevista ao Jornal da Record
Noite – Viagem para Brasília

Rui Costa Pimenta (PCO)
São Paulo
13h – Reunião de pauta do Jornal Causa Operária, na Fundação João Jorge Costa Pimenta (Rua Apotribu, 111, Saúde)

Zé Maria (PSTU)
São Paulo
Manhã e tarde – Reunião da coordenação de campanha
19h – Participa de debate com Osmarino Amâncio, líder seringueiro que militou ao lado de Chico Mendes, sobre Marina Silva é uma Alternativa? (Rua Tabatinguera, 192 – próximo ao Metrô Sé)

Aécio Neves (PSDB)
São Paulo
11h – Participa do 6º Coletivo de Mulheres Metalúrgicas, no Palácio do Trabalhador – Sindicato dos Metalúrgicos (Rua Galvão Bueno, 782, Liberdade)
Belo Horizonte
16h30 – Caminhada em Venda Nova, com concentração na Praça da Matriz

Dilma Rousseff (PT)
Duque de Caxias (RJ)
17h – Caminhada pela Praça do Pacificador

Eduardo Jorge (PV)
Nova Olinda (CE)
9h – Visita a organização não governamental (ONG) Fundação Casa Grande - Memorial do Homem Kariri (Rua Jeremias Pereira, 444 – centro)
Assaré (CE)
10h – Visita a casa do poeta Patativa do Assaré, em Serra de Santana (a 18 km de Assaré)
Crato (CE)
12h – Visita a Floresta Nacional do Araripe
Juazeiro do Norte (CE)
13h – Visita a estátua de Padre Cícero – Horto

Eymael (PSDC)
Fortaleza
9h – Caminhada pela região central de Fortaleza, com encontro previsto na Praça do Ferreira
11h – Entrevista coletiva no Mareiro Hotel
14h – Decola de Fortaleza para Natal
Natal
15h – Aterrissa no aeroporto internacional
16h – Entrevista à TV União de Natal (Avenida do Sol, 3.470 – Candelária)
17h – Entrevista coletiva na sede do partido (Avenida Rodrigues Alves, 682 – Tirol)
18h30 – Entrevista à Rádio Cidade 94 FM (Avenida do Sol, 3.310 – Candelária)
20h – Reunião no centro de eventos Cuxa, no anexo do Hotel Maine

Levy Fidelix (PRTB)
Jaboatão dos Guararapes (PE)
15h – Caminhada no Mercado das Flores
20h – Jantar com presidentes de partidos - PRTB, PHS, PSL, PSDC, PRP E PTN - no Restaurante Costa Brava

Luciana Genro (PSOL)
Rio de Janeiro
8h30 – Sabatina na Rádio ABC
18h30 – Comício Nosso Lado é a Rua! – Cinelândia

Marina Silva (PSB)
São Bernardo do Campo (SP)
10h30 – Entrevista coletiva na Praça da Igreja Matriz (centro)
11h – Ato público

Confira a agenda de campanha de Armando Monteiro hoje

Armando Monteiro PT - divulgação
O candidato do PTB ao Governo do Estado, Armando Monteiro Neto, fará campanha nesta sexta-feira (19) na região da Mata Sul, onde, segundo pesquisa do Ipespe, teria sido ultrapassado pelo candidato da Frente Popular, Paulo Câmara (PSB). Confira a programação:
Ribeirão:
9h – Caminhada no comércio de Ribeirão ao lado de toda coligação Pernambuco Vai Mais Longe
Concentração: Comitê da majoritária localizado na entrada da cidade, Ribeirão/PE
Gameleira:
11h – Caminhada no comércio de Gameleira ao lado de toda coligação Pernambuco Vai Mais Longe
Concentração: Rua Dr. Antônio Luiz Rigueira, Centro, Gameleira/PE
Rio Formoso:
13h30 – Caminhada e comício em Rio Formoso ao lado de toda coligação Pernambuco Vai Mais Longe
Concentração: Academia das Cidades, localizada na entrada da cidade
Comício: Praça do Coreto, Centro, Rio Formoso/PE
São José da Coroa Grande
16h – Visita a lideranças em São José da Coroa Grande
Local: Av. João Francisco de Melo, próximo à Casa Lotérica, Centro, São José da Coroa Grande/PE
Barreiros
17h – Caminhada e comício em Barreiros ao lado de toda coligação Pernambuco Vai Mais Longe
Concentração: Av. Maria Amália, em frente à Padaria Barbosa, na entrada do cemitério, Barreiros/PE
Comício: Praça dos Mototaxistas
Água Preta
19h – Caminhada e comício em Água Preta ao lado de toda coligação Pernambuco Vai Mais Longe
Local: Rua principal, em frente à Igreja de Santa Terezinha
Comício: Em frente à Igreja de São Sebastião
Sirinhaém
21h30 – Caminhada e comício em Sirinhaém ao lado de toda coligação Pernambuco Vai Mais Longe
Concentração: Em frente à maternidade municipal – Rua Sebastião Chaves, s/n, Centro, Sirinhaém/PE
Comício: Em Frente ao comitê – Rua Sebastião Chaves, 242, Centro, Sirinhaém/PE.

TSE volta atrás e libera site com propaganda de Dilma

Agência Brasil (Brasília) – O ministro Herman Benjamin, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), reconsiderou nesta quinta-feira (18) sua decisão e determinou a liberação do site mudamais.com, da coligação Com a Força do Povo, da candidata à reeleição Dilma Rousseff. Na terça-feira (16), o ministro determinou que página fosse retirada do ar, por considerá-la como propaganda eleitoral irregular.
Benjamin reviu a decisão após recurso apresentado pelo PT, que alegou ser o proprietário do site. “Por se tratar de irregularidades de natureza estritamente formal, autorizo, desde logo, a retomada do sítio eletrônico”, decidiu o ministro.
A reclamação originária foi encaminhada ao TSE pela coligação Unidos pelo Brasil, da candidata Marina Silva (PSB). Na primeira decisão, o ministro entendeu que a página deveria ser retirada ao ar por não ter sido identificada como site oficial da campanha eleitoral de Dilma.

Datafolha: Dilma cresce e abre 7 pontos sobre Marina; 37% a 30%











A presidente Dilma Rousseff ampliou a vantagem sobre sua concorrente  Marina Silva, na contagem para o primeiro turno, segundo pesquisa Datafolha divulgada nesta sexta-feira pelo jornal Folha de S.Paulo.  Do empate técnico da semana passada, Dilma estabeleceu agora sete pontos de vantagem sobre Marina, com  37% a 30%.
Na simulação para o segundo turno o quadro de crescimento de uma e queda de outra se configura:  no fim de agosto Marina batia Dilma por dez pontos, e agora a vantagem passa a ser de empate técnico, com 46% a 44%.
No teste de segundo turno, a tendência é parecida. A dianteira de Marina sobre Dilma nunca foi tão baixa: 46% a 44%, um empate técnico. No fim de agosto, a vantagem da candidata do PSB era de dez pontos (50% a 40%).

Lula admite volta em 2018 contra ‘retrógrados no poder’

247 - O ex-presidente Lula voltou a admitir que pode ser candidato em 2018. Em comício em Caxias do Sul, na Serra Gaúcha, de apoio a candidatos do PT, ele disse quer evitar que “pessoas retrógradas, que não gostam de pobre andando de avião ou entrando em shopping” voltem ao governo.
“Trabalho com a ideia de que a gente tenha muita gente boa na política e que não precise que o Lula volte em 2018. Se até 2018 eu estiver em condições de eleger uma pessoa melhor do que eu, eu vou trabalhar para isso”, afirmou.
Ele também voltou a criticar as propostas de governo de Marina Silva, apontada como principal adversária da presidente Dilma Rousseff. “É muito fácil as pessoas dizerem ‘eu quero uma nova política’, é muito fácil dizerem ‘eu vou governar com os miór(sic)’. Aonde é que estão esses ‘miór’? Aonde é que está essa nova política fora da política? É como se a igreja católica tentasse se renovar fora da igreja. É como se as coisas acontecessem fora das instituições. Não é possível mudar a política por fora da política”, afirmou.
Ele ironizou Marina com a volta do senador Pedro Simon (PMDB) às urnas: “Que nova política é essa? Que história é essa de nova política feita com os velhos políticos”.

Escócia recusa independência e fica no Reino Unido



Passeata pede apoio ao 'não' no centro de Edimburgo - Foto: Dylan Martinez / Reuters
Os escoceses decidiram continuar o casamento de 307 anos com o Reino Unido e rejeitaram a independência do país em um plebiscito histórico realizado na quinta-feira. Com quase todas as urnas apuradas nesta sexta, o “não” à separação aparece com uma vantagem um pouco mais folgada do que aquela prevista nas últimas pesquisas: 55,4% dos votos contra 44,6%. Segundo estimativas da imprensa britânica, não há mais possibilidade de uma virada.
A rede BBC calcula que o placar final será de 55% para a união, contra 45% para a independência. Dos 29 distritos eleitorais que tiveram os votos computados até agora – são 32 no total –, apenas quatro deram a vitória ao 'sim', entre eles Glasgow, a maior cidade do país. A capital Edimburgo votou em peso pelo 'não': 61% a 39%.  (Site deVeja)

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

IBGE: Mais de 50% dos brasileiros acessam a internet


Do G1
Mais da metade dos brasileiros já está conectada à internet. Segundo dados divulgados, hoje, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a proporção de internautas no país passou de 49,2%, em 2012, para 50,1%, em 2013, do total da população. As informações fazem parte da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) referente a 2013.
De acordo com o IBGE, o Brasil ganhou 2,5 milhões de internautas (2,9%) entre 2012 e 2013, totalizando aproximadamente 86,7 milhões de usuários de internet com 10 anos ou mais. As mulheres são 51,9% do total. A taxa de crescimento, no entanto, é a menor registrada pela Pnad: entre 2011 e 2012, ela foi de 6,9%; entre 2009 e 2011, 14,8%; e de 2008 para 2009, 21,6%.
Em um recorte da Pnad a partir de grupos de idade, pessoas entre 15 e 17 anos e de 18 a 19 anos registraram os maiores índices de internautas em 2013, com 76% e 74,2%, respectivamente. Já na faixa etária entre 40 e 49 anos, 44,4% do total acessa a internet. Apenas 21,6% de quem tem mais de 50 anos se conecta à web.
Em 2013, as regiões Sudeste (57,7%), Sul (54,8%) e Centro-Oeste (54,3%) tiveram proporções de internautas superiores à média nacional de 50,1%. O Norte, com 38,6% do total da população, e o Nordeste, com 37,8%, ficaram abaixo. Todas as regiões brasileiras registraram crescimento de internautas em 2013, com destaque para o Nordeste (4,9%) e o Sul (4,5%). O Sudeste (2,2%), o Centro-Oeste (1,3%) e o Norte (0,4%) aparecem em seguida.
Houve crescimento de 8,8% nos domicílios com computadores. No Nordeste, o aumento foi de 14,0%, com 686,6 mil no total. Em 2013, dos 32,2 milhões de domicílios com computador em casa, 28,0 milhões estavam com acesso à Internet. No Sul, o crescimento foi de 14,7% no número de computadores com acesso à Internet: total de 50% das unidades domiciliares.

Sindicalistas do PSB preocupados com posição de Marina



Segundo informação da coluna Painel da Folha de SP, Sindicalistas do PSB de Marina Silva se dizem “muito preocupados” com as propostas da candidata para a área trabalhista. Os aliados reclamam de dois pontos do plano de governo: a defesa de “ajustes” na CLT e o elogio à terceirização. “Há questões que não estão claras e preocupam enormemente os trabalhadores”, diz Nair Goulart, presidente da Força Sindical na Bahia. O coordenador sindical do PSB, Joílson Cardoso, reconhece que é preciso preencher “lacunas” do programa.
Marina teria encontro com líderes sindicais de seu partido amanhã. O compromisso foi adiado e não tem nova data.

Mais de 70 artistas assinam manifesto de apoio a Dilma Rousseff


Artistas que apoiaram candidatura da presidente Dilma Rousseff (PT). Foto: reprodução Facebook.
Artistas que apoiaram candidatura da presidente Dilma Rousseff (PT). Foto: reprodução Facebook.
Na reta final da campanha eleitoral, os apoios aos presidenciáveis surgem de várias esferas da sociedade. Esta semana, a campanha de Dilma Rousseff (PT) publicou uma lista com um grupo de 70 artistas, entre intelectuais e jornalistas, que apoiam à reeleição da petista para presidente da República.
Apoiam a petista os cantores Chico Buarque, Chico César, Alcione, Beth Carvalho e Leci Brandão, também deputada estadual pelo PCdoB de São Paulo.
Atores como Osmar Prado, Paulo Betti, Matheus Nachtergaele, Chico Diaz, Sergio Mamberti, Silvia Buarque  Tonico Pereira, Hugo Carvana e Ângela Vieira e os escritores Luis Fernando Veríssimo, Fernando Morais e Silvano Santiago, entre outros, também assinam o texto de apoio à presidenciável, intitulado “A primavera dos direitos de todos: ganhar para avançar”.
“Os brasileiros decidem agora se o caminho em que o País está desde 2003 é positivo e deve ser mantido, melhorado e aprofundado, ou se devemos voltar ao Brasil de antes – o do desemprego, da entrega, da pobreza e da humilhação”, diz trecho do texto publicado no site manifesto.dilma.com.br.
O texto do manifesto diz que o Brasil nunca viveu um processo “tão profundo e prolongado de mudança e de justiça social, reconhecendo e assegurando os direitos daqueles que sempre foram abandonados”.
Abandonar esse caminho para retomar fórmulas econômicas que protegem os privilegiados de sempre, segundo os signatários, seria um “enorme retrocesso”.
Leia a íntegra do manifesto:
“A primavera dos direitos de todos: ganhar para avançar”
Os brasileiros decidem agora se o caminho em que o país está desde 2003 é positivo e deve ser mantido, melhorado e aprofundado, ou se devemos voltar ao Brasil de antes – o do desemprego, da entrega, da pobreza e da humilhação.
Nós consideramos que nunca o Brasil havia vivido um processo tão profundo e prolongado de mudança e de justiça social, reconhecendo e assegurando os direitos daqueles que sempre foram abandonados. Consideramos que é essencial assegurar as transformações que ocorreram e ocorrem no país, e que devem ser consolidadas e aprofundadas. Só assim o Brasil será de verdade um país internacionalmente soberano, menos injusto, menos desigual, mais solidário.
Abandonar esse caminho para retomar fórmulas econômicas que protegem os privilegiados de sempre seria um enorme retrocesso. O brasileiro já pagou um preço demasiado para beneficiar os especuladores e os gananciosos. Não se pode admitir voltar atrás e eliminar os programas sociais, tirar do Estado sua responsabilidade básica e fundamental.
O Brasil precisa, sim, de mudanças, como as próprias manifestações de rua do ano passado revelaram. Precisa, sem dúvida, reformular as suas políticas de segurança pública e de mobilidade urbana. Precisa aprofundar as transformações na educação e na saúde públicas, na agricultura, consolidando com ousadia as políticas de cultura, meio ambiente, ciência e tecnologia, e combatendo, sem trégua, todas as discriminações.
O Brasil precisa urgentemente de uma reforma política. Mas precisa mudar avançando e não recuando. Necessita fortalecer e não enfraquecer o combate às desigualdades. O caminho iniciado por Lula e continuado por Dilma é o da primavera de todos os brasileiros. Por isso apoiamos Dilma Rousseff.”(Do blog de jamildo)

Blog da Cidadania aponta suposta fraude do Ibope

Por Eduardo Guimarães, do Blog da Cidadania
Serei curto e grosso.
Na última quarta-feira (17/9), este blogueiro se surpreendeu ao ser contatado por fonte que se disse ligada à campanha de Marina Silva. A pessoa afirmou ter "informação quente" sobre a pesquisa Ibope divulgada na noite anterior pelo Jornal Nacional.
Segundo o informante, as pesquisas e os trackings do PSB não haviam detectado a reação de Aécio, quem, segundo o Ibope, teria subido fora da margem de erro nas simulações de primeiro e segundo turnos tanto contra Dilma quanto contra Marina.
Devido aos evidentes interesses que a campanha de Marina tem em vender que Aécio não ameaça a ida dela ao segundo turno, empreendi uma busca frenética de informações mais confiáveis. Resultado: só o Ibope viu a reação de Aécio.
Sim, é isso mesmo: as campanhas dos adversários de Aécio não detectaram a reação dele nem nos trackings (por telefone) nem nas pesquisas de campo. O cenário estaria igual ao da pesquisa Vox Populi, divulgada na segunda-feira (16/9).
Mais especificamente: Aécio continuaria patinando na faixa de 14 a 16 por cento, Marina na faixa de 27 a 30 por cento e Dilma entre 36 e 40 por cento. No segundo turno, Dilma e Marina estariam empatadas tecnicamente e Aécio ainda muito longe de ambas.
Segundo a fonte inicial e outras fontes, PSB e PT vêm detectando que Aécio continua patinando nos mesmos patamares pré-Ibope.
Outra informação: a pesquisa Datafolha que sai nesta sexta-feira tentará dar uma última chance para Aécio reagir. Divulgará pesquisa parecida com a do Ibope, com Aécio reagindo no primeiro e no segundo turnos, Marina estagnada ou caindo pouco e Dilma caindo pouco mais.
Ibope primeiro e Datafolha depois estariam dando a Aécio a última chance. Se nem assim ele reagir, será abandonado e Marina se tornará a candidata oficial da mídia e dos interesses que ela representa. Sem volta.
A volatilidade da campanha eleitoral a presidente da República tem facilitado sobremaneira as manipulações dos institutos de pesquisa. Devido à baixa produção de sondagens do Vox Populi e da adesão do Sensus à campanha de Aécio, em 2014 as pesquisas estão piores que as de 2010.
Em 2010, este Blog conseguiu, através da ONG Movimento dos Sem Mídia, que a Procuradoria Geral Eleitoral determinasse abertura de inquérito na Polícia Federal contra os institutos de pesquisa. Pelo visto, a eleição em segundo turno precisará de investigação igual.

Armando pode ter apoio de partido da Frente

Candidato ao Governo aguarda decisão nacional da sigla (Foto: Leo Caldas/Divulgação)
Por Anderson Bandeira
Da Folha de Pernambuco
O candidato a governador Armando Monteiro Neto (PTB) poderá aumentar o seu arco de alianças, nesta reta final de campanha, com a adesão de mais uma legenda. O Partido Ecológico Nacional (PEN), que integra a Frente Popular, está prestes a mudar de lado, faltando 17 dias para as eleições. O anúncio foi feito ontem pelo secretário-executivo da legenda, Michel da Matta. Segundo ele, um pedido de mudança para a executiva nacional já foi encaminhado e a expectativa é que a decisão saia nos próximos dias.
“Fiz um pedido para o partido sair da Frente Popular e seguirmos juntos com Armando. Só estou esperando o posicionamento da nacional. Mas o que é certo é que teremos modificações. O Paulo Câmara disse ontem (anteontem) que tinha o apoio de 21 partidos no debate, mas ele não conte com o PEN”, afirmou Michel.
Além da troca de palanque, ele também pediu a destituição da executiva estadual, que é presidida pelo secretário de Relações Institucionais da Prefeitura do Recife, Fred Oliveira. Os dois pedidos, segundo Michel, são porque tanto o PSB quanto Fred não cumpriram com o combinado estabelecido, desde que o partido aderiu à base do Governo.
“Eu era o presidente do partido e trouxe para apoiar Eduardo. Ficou acertado com o PSB e a minha nacional que nós iríamos apoiar o PSB. Na época, eu nomeei Fred como o presidente para que o partido tivesse representatividade e crescesse no Estado. Ficou definido também que eles apoiariam as candidaturas de um estadual e um federal. Só que nada foi feito” disparou.
Michel contou também que tendo o pedido deferido, lutará para retirar os segundos que o PEN cedeu à Frente. Nos bastidores, comenta-se que suas críticas teriam sido motivadas porque Fred não teria o indicado para a vice-presidência. Procurado pela reportagem, o presidente não foi encontrado até o fechamento desta edição. Curiosamente, se a decisão for aceita, o partido voltará ao ninho petebista. Em outubro do ano passado, o até então dirigente do PEN era João Paulo da Costa, filho do deputado federal Silvio Costa, e a legenda apoiava Armando Neto.
Por uma decisão da nacional, com apoio de Michel, João Paulo perdeu o comando da sigla. Versões extraoficiais dão conta de que a decisão teria sido articulada pelo ex-governador Eduardo Campos com o presidente nacional do PEN, Adilson Barros.

Paulo direciona a agenda para o Interior

Candidato esteve ontem em Tracunhaém, Nazaré da Mata, Aliança e Itaquitinga (Foto: Beto Figueroa/Divulgação)
Por Carol Brito
Da Folha de Pernambuco
Faltando 17 dias para as eleições, o candidato ao Governo do Estado pela Frente Popular, Paulo Câmara (PSB), começa a focar suas agendas fora da Região Metropolitana do Recife. Ontem, o socialista direcionou a maior parte dos seus compromissos na Mata Norte com caminhadas e comícios em Tracunhaém, Nazaré da Mata, Aliança e Itaquitinga. Ele também participou de atos em Belo Jardim, no Agreste, e Goiana, na RMR. Hoje, o postulante concede entrevista à Radio Folha FM 96,7 às 11h. Depois destinará a tarde aos compromissos no Sertão com passagens nos municípios de Exú, Araripina e Serra Talhada.
Apesar de crescer nas pesquisas eleitorais, a aliança governista procura reforçar as agendas nas regiões mais afastadas, onde o cenário é mais acirrado. De acordo com pesquisa Datafolha, divulgada no início do mês, Paulo Câmara soma 40% das intenções de voto contra 36% de Armando Monteiro, no Recife. Já no Interior, a vantagem é do petebista que possui 36% contra 32% do socialista. Pesquisas internas do PSB apontam a necessidade de intensificar as agendas no Interior.
Para reforçar a presença na região, os socialistas pretendem levar a candidata à Presidência da República, Marina Silva (PSB), aos municípios de Caruaru e Petrolina, na próxima semana. Em Pernambuco, a presidenciável socialista lidera numericamente a disputa nacional, mas encontra resistência no embate contra a presidente Dilma Rousseff (PT), no Interior.
No Recife, a campanha será destinada aos bairros mais populosos da cidade. A Frente Popular deverá promover caminhadas em Casa Amarela, Brasília Teimosa e Ibura na reta final da disputa. Mesmo assim, Paulo Câmara comemorou o crescimento nas pesquisas, ontem. “Essa recepção que você nos proporcionam mostra bem o que as últimas pesquisas apresentam: que viramos. Fico muito feliz em ver o povo de Nazaré da Mata nas ruas, mostrando que acreditam no nosso compromisso com Pernambuco. Fiquem certos de que vou honrar essa confiança e o legado do ex-governador Eduardo Campos”, disse Câmara, durante agenda em Nazaré da Mata.
O socialista também recebeu o apoio da Federação dos Trabalhadores na Agricultura Familiar de Pernambuco (Fetraf-PE), em Belo Jardim. A instituição também declarou apoio às postulações de Fernando Bezerra Coelho (PSB), ao Senado, e Marina Silva (PSB), à Presidência da República.

Confira a agenda dos candidatos à Presidência da República



Marina Silva (PSB)
Vitória
16h – Entrevista coletiva no Clube de Natação e Regatas Álvares Cabral (Avenida Marechal Mascarenhas de Moraes, 2.100)
16h30 – Ato público no Clube de Natação e Regatas Álvares Cabral
Aparecida de Goiânia (GO)
20h30 – Ato público na Faculdade Alfredo Nasser, da Unifan (Avenida Bela Vista, 26)

Mauro Iasi (PCB)
Jataí (GO)
14h – Entrevista a rádios locais
15h – Encontro com a militante histórica do partido Maria Eloá
19h – Debate Conjuntura Nacional e Poder Popular, na Universidade Federal de Goiás (Campus Jataí)

Pastor Everaldo (PSC)
São Paulo
8h – Entrevista à Rádio Carioca Livre
11h – Entrevista à Rádio Band e TV Band News (Morumbi)
12h – Caminhada com militantes (Rua Conde Sarzedas, Liberdade)
16h – Entrevista à TV Folha (Alameda Barão de Limeira 425)

Rui Costa Pimenta (PCO)
São Paulo
14h – Reunião de campanha na Fundação João Jorge Costa Pimenta (Rua Apotribu, 111, Saúde)
Guarulhos (SP)
20h30 – Jantar com candidatos estaduais do partido

Zé Maria (PSTU)
São Paulo
10h – Participa de debate com mídias independentes, com transmissão ao vivo pela internet (Rua Conselheiro Ramalho 945, Bela Vista)
14h – Entrevista ao vivo pelo Portal Terra.
18h – Participa de sabatina organizada pelo DCE Livre da USP - (Avenida Professor Almeida Prado, nº 1.280, prédio das ciências sociais e filosofia, sala 101, Butantã)

Aécio Neves (PSDB)
Itabuna (BA)
11h – Caminhada e entrevista, na Avenida Cinquentenário (concentração Praça Jardim do Ó)

Dilma Rousseff (PT)
Brasília
19h30 – Entrevista à TV Record ao vivo, no Palácio da Alvorada

Eduardo Jorge (PV)
Itapecerica da Serra (SP)
12h – Encontro com agentes de saúde
20h30 – Conversa com internautas sobre animais e alimentação sem carne, no Papo Reto

Eymael (PSDC)
Teresina
12h30 – Aterrissa no Aeroporto Senador Petrônio Portela
13h – Entrevista coletiva no aeroporto
15h – Reunião na Associação Industrial do Piauí (Avenida Marechal Castelo Branco, 519 – Cabral)
16h – Decola de Teresina para Fortaleza.
Fortaleza
18h – Aterrissa no aeroporto internacional
20h – Reunião com a Executiva do PSDC do Ceará, no Mareiro Hotel (Avenida Beira-Mar, 2.380 – Meireles)

Levy Fidelix (PRTB)
São Paulo
Manhã – Gravação com a Rádio Livre, na sede do partido
15h – Reunião com a equipe de marketing, na sede do partido.
17h – Gravação de novo programa eleitoral

Luciana Genro (PSOL)
São Paulo
11h – Sabatina na RedeTV/IG
12h – Encontro com o jurista Allyson Mascaro, que entrega carta de apoio à candidatura (Rua Dr. José de Queirós Aranha, 342, Vila Mariana). Depois, viaja para o Rio
Rio de Janeiro
18h – Participa do debate Só a Luta Muda a Vida, no Jardim do CLA na UniRio (Avenida Pasteur, 436, Praia Vermelha)

Netropolitan: rede social é um Facebook para ricos por 'apenas' US$ 9 mil



Do TechTudo
Quem usa o Facebook, provavelmente, já recebeu uma corrente dizendo que ele seria pago em breve. Isso é mentira. Mas há uma rede social, Netropolitan, que cobra para o usuário acessá-la. E não é pouco. Voltada para os ricos, ela tem uma taxa de inscrição de “apenas” US$ 9 mil (cerca de R$ 21 mil).
Gigante de e-mail compra VK, o Orkut russo; rede social lembra Facebook
Lançada na terça-feira (16), a rede se descreve como “o clube online para pessoas com mais dinheiro do que tempo”. Segundo o seu criador, em entrevista à CNN, o seu produto está longe de ser uma brincadeira. Para James Touchi-Peters, há demanda o suficiente para que a página seja um sucesso.
Netropolitan, um Facebook de ricos por apenas US$ 9 mil (Foto: Divulgação/Netropolitan) 
Netropolitan, um Facebook de ricos por apenas US$ 9 mil (Foto: Divulgação/Netropolitan)
“É 100% real, e acredito que há demanda e audiência para este serviço. Vi uma necessidade de um ambiente onde você pode falar das melhores coisas da vida sem receber críticas. Um ambiente em que as pessoas compartilhem gostos e experiências semelhantes”, afirmou Touchi-Peters.
O preço altíssimo, segundo ele, foi estabelecido para manter a rede social como um ambiente exclusivo e único. A ideia do site, como descrito na própria página, é que o usuário “se conecte a pessoas do mesmo status social, mas fora do círculo social”. Outras taxas também garantem benefícios diferentes.

Privacidade e moderação, sem anúncios
O Netropolitan tem, por exemplo, moderadores a todo momento fiscalizando o comportamento dos usuários, e evitando possíveis perturbações.
Além disso, é possível contactar uma área de suporte sempre que necessário. Não há anúncios, e páginas do site não aparecem em ferramentas de buscas.

Só para fazer teatro

Membros da oposição na CPI da Petrobrás sabiam que Paulo Roberto Costa não abriria o bico na sessão de ontem. Mas, para fazer “jogo de cena”, decidiram convocá-lo e quebraram a cara.

Coligação pede que Justiça apure depredação em comitês

A ação foi protocolada pelo candidato a vice-governador na chapa, Paulo Rubem (PDT) (Foto: Paullo Allmeida/Folha de Pernambuco)
Depois ter quatro comitês atingidos por atos de violência nas cidades de Recife, Olinda, Abreu e Lima e Surubim, a coligação Pernambuco Vai Mais Longe, do candidato ao Governo do Estado Armando Monteiro Neto (PTB), deu entrada na tarde desta quarta-feira (17) em uma representação junto ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PE) solicitando mais atenção da Justiça nos casos. A ação foi protocolada pelo candidato a vice-governador na chapa, Paulo Rubem (PDT).

PSDB lança Bolsa Desemprego em MG com a ameaça de perder o poder



 A ameaça de perder o poder em Minas Gerais após 12 anos, fez o PSDB incorporar um cardápio de promessas sociais na reta final da campanha.  Sem detalhar custos, o candidato tucano, Pimenta da Veiga, acena com uma espécie de 'bolsa desemprego' e com cursos de qualificação para moradores de favelas.  O objetivo é avançar sobre o eleitorado do PT, que lidera a disputa com Fernando Pimentel: 43% a 23%, segundo Ibope desta terça (16).
O esforço do PSDB mineiro também visa melhorar a votação de Aécio Neves no Estado. Ex-governador, o candidato tucano ao Planalto esperava uma votação 'histórica' em Minas, que ainda não se projeta nas pesquisas.
Os tucanos esperavam que a avaliação positiva das gestões do PSDB no Estado alavancasse Pimenta. Havia a expectativa de atração do alto percentual de indecisos no Estado até o começo de setembro. No Ibope mais recente, a taxa caiu para 17%, mas toda a migração foi para o petista. (Da Folha de S.Paulo - Paulo Peixoto)

Os bons de urna em Recife

Segundo informa em sua coluna Magno Martins, pesquisas internas da Frente Popular apontam que os federais mais votados no Recife serão, pela ordem, Eduardo da Fonte (PP), Felipe Carreras (PSB), na foto, Jarbas Vasconcelos e João da Costa. Dudu da Fonte, como é mais conhecido, tende a levantar o troféu de campeão de votos no Estado. Na eleição passada ele ficou abaixo apenas de Ana Arraes.

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Sarney: Marina tem cara de santinha e vontade de ódio


 Em discurso repleto de críticas a rivais, o senador José Sarney (PMDB-AP) foi ao ataque contra Marina Silva e disse que a candidata ao Planalto pelo PSB tem 'cara de santinha' e 'vontade de ódio'.
'A dona Marina, com essa cara de santinha, mas [não tem] ninguém mais radical, mais raivosa, mais com vontade de ódio do que ela. Quando ela fala em diálogo, o que ela chama de diálogo é converter você', afirmou.
O ex-presidente fez as declarações ao estrear em São Luís, na noite de terça-feira (16), no palanque de Lobão Filho (PMDB), filho do ministro Edison Lobão (Minas e Energia) e candidato ao governo do Estado com apoio de Sarney e sua filha Roseana, atual governadora do Maranhão.
''IAM LAMBER MEUS PÉS''
Em tom duro, mas também irônico, o senador de 84 anos pediu votos para Dilma ('uma mulher de comando') e disse conhecer a 'outra', numa referência a Marina, com quem conviveu por 16 anos no Senado.
'Ela [Marina] pensa que o mundo tem duas partes: uma condenada à salvação e outra à perdição', disse Sarney, saudado pelos público presente aos gritos de 'guerreiro do povo brasileiro'. campanha deste ano marca a despedida do senador e de Roseana da disputa por cargos públicos.
'Quase tudo que tem na nossa terra, que eles falam mal, passou pelas minhas mãos. Até mesmo esses inimigos meus, todos passaram pela minha mão', disse. 'Não tem um [inimigo] que não tivesse me bajulado. Se eu pedisse, eles iam lamber meus pés', completou.  (Da Folha de S.Paulo - Diógenes Campanha)

Dilma:"Tem muito ódio e mentira nessa eleição"

A presidente Dilma Rousseff (PT), candidata à reeleição, reafirmou, hoje, em comício no centro de Campinas, no interior de São Paulo, que a verdade vencerá a mentira nessas eleições. "Tem muito ódio e mentira nessa eleição. Quando vocês virem mentiras, respondam com a verdade", afirmou, para um grupo de militantes. De acordo com Dilma, a verdade é "uma só": que o Brasil melhorou nos 12 anos de governos do PT. "Tem gente que só fala e não tem o que apresentar. Nós temos", disse, destacando projetos da administração federal, como o Minha Casa, Minha Vida e o Pronatec.
Ao receber uma mensagem escrita por uma criança que estava na plateia, a presidente disse que ganhava um "bilhete do futuro". "É para eles e para elas que nós governamos este País." Um pouco antes da fala, Dilma fez uma pequena caminhada pelo centro da cidade e cumprimentou eleitores.

Paulo Roberto ficou em silêncio na CPI da Petrobras

Mendonça Filho - foto agência brasil
Como já se esperava, ex-diretor de abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa, compareceu nesta quarta-feira (17) a CPMI que investiga irregularidades na empresa mas se negou a responder às perguntas dos parlamentares.
Ele foi levado de Curitiba para Brasília sob escolta da Polícia Federal e logo que chegou ao Congresso foi perguntado pelo presidente da Comissão, senador Vital do Rego (PMDB-PB), se aceitaria falar numa sessão secreta.
Advertido horas antes pelo procurador geral da República, Rodrigo Janot, de que se abrisse o bico poderia perder o benefício da “delação premiada” (redução da pena), Paulo Roberto permaneceu em silêncio.
Ao senador Vital do Rego, disse o seguinte: “Acho que a sessão pode ser aberta, mas permaneço com a mesma posição de nada a declarar”.
Apesar disso, o relator da Comissão, deputado Marco Maia (PT-RS), resolveu fazer-lhe seis perguntas. A todas ele deu a mesma resposta: “Permaneço com o meu direito constitucional de ficar calado”.
O líder do DEM, deputado Mendonça Filho (PE), chegou a sugerir por meio de requerimento que a sessão fosse secreta, mas não adiantou.
Foi contraditado pelo líder do PT no Senado, Humberto Costa (PE), para quem “não existe sessão secreta neste Congresso Nacional. Tudo o que acontece em sessões fechadas é revelado lá fora”, disse ele.
A proposta de Mendonça ainda chegou a ser posta em votação. Mas, por 10 votos a oito, foi rejeitada pela Comissão.(Blog do inaldo sampaio)

Rico que cede apê em SP a Marina fraudou gasolina

247 – Mais uma notícia constrangedora coloca em xeque a proposta de 'nova política' da candidata à Presidência pelo PSB, Marina Silva. Desta vez, sobre o passado do empresário Carlos Henrique Ribeiro do Valle, que empresta, sem custos, seu apartamento na Vila Nova Conceição, um dos bairros mais luxuosos e caros de São Paulo, para a presidenciável.
Filiado ao DEM, Ribeiro do Valle é também proprietário do grupo RVM, que possui vários postos de gasolina, e da distribuidora de combustível Petronac, além de fazendas em Minas, Mato Grosso e Pará. "A troco de que um sujeito com esse perfil emprestaria, de graça, um apartamento a Marina Silva?", questiona Miguel do Rosário, do blog O Cafezinho, que divulga o caso.
Segundo reportagem da Folha de S. Paulo publicada no dia 4, o apartamento de 107 m² fica no 11º andar de um prédio situado a poucas quadras do parque Ibirapuera. O empresário, de acordo com o jornal, firmou um contrato de comodato com a campanha de Eduardo Campos no dia 4 de julho para ceder o imóvel até 5 de outubro, primeiro turno das eleições, podendo ser prorrogado até o fim do segundo turno. Ribeiro do Valle disse à Folha que é "mais próximo do pessoal da Marina" do que de Campos e, segundo a assessoria da candidata, "doou" o imóvel porque tem um "amigo antigo" em comum com a presidenciável.
O site noticia que o milionário, a Petronac e um de seus postos, o Saema Auto Posto, foram condenados pelo Tribunal Regional Federal da 3ª Região por adulteração de combustível (veja aqui decisão em última instância). E que a distribuidora de combustíveis, que vive em briga constante com a Petrobras para avançar mais no mercado de distribuição de combustíveis, também foi acusada de fraudar licitação em Marília, cidade do interior paulista.
Sobre a aquisição e uso irregular, pela campanha do PSB, do jato Cessna que caiu em agosto, causando a morte de Eduardo Campos, Marina disse desconhecer os fatos e ilegalidades do caso. O partido alegou que os papéis importantes sobre o assunto estavam no avião e que apenas o ex-governador poderia explicar questionamentos sobre as finanças da campanha. E agora, o que a candidata dirá?